08/05/2015 – RESULTADO DO MARGARET MEE FELLOWSHIP PROGRAMME ARTIST SCHOLARSHIPS 2015

A Fundação Flora de Apoio à Botânica, em referência à seleção, torna público o resultado do processo seletivo.

Candidato(a) selecionado(a):
– Gustavo Marigo

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

1 8/03/2015 – MARGARET MEE FELLOWSHIP PROGRAMME ARTIST SCHOLARSHIPS 2015

The Margaret Mee Fellowship Programme (MMFP), based at the Royal Botanic Gardens, Kew, is pleased to announce that it is now opening up a competition for a Margaret Mee Artist Scholarship for 2015. The Artist Scholar will once again be tutored by Christabel King.

Botanical illustration is an artform that supports botanical science, requiring accuracy as well as artistry in reproducing the plant material. Interested applicants must abide by the rules and conditions set out below:

1. Applicants should contact the Chairman of the MMFP, Dr Nicholas Hind (n.hind@kew.org),and provide a short Curriculum Vitae (c.1 page), together with five digital images (up to a possible maximum of ten) best representing their work and illustrating native Brazilian species, either as PDFs or JPEGs, via DropBox or, alternatively, sending the images as e-mail attachments. Under no circumstances should originals should be sent.

2. The original for each image should be in colour (oil, water colour, gouache, coloured pencil, crayon, acrylic, airbrush or mixed media), but not a production of computer software. The originals should be of dimensions not exceeding 50 x 70 cm.

3. Entries must enable the scientific identification of the material illustrated and should indicate the family, genus and species, together with appropriate scales and note where the material was collected.

4. Entries should be submitted by 7 April 2015. Judging of each applicant’s portfolio will be carried out by a panel of people invited by the Chairman of the MMFP that will include both botanists and a botanical artist. The successful candidate will be informed by 15 April 2015.

5. Previous winners of the MMFP Artist Scholarship are ineligible for this competition.

6. Submission of images to this competition implies that the applicants fully accept the rules and conditions outlined here.

7. The decision of the judging panel is final and no appeal will be accepted.

8. The successful candidate should be available to travel from 1st . week in May, for a scholarship of five months, till the end (25/26/27) of September 2015. A knowledge of English is desirable though not essential.

The successful candidate must make his/her arrangements for any visa required to visit the United Kingdom. The MMFP will reimburse the actual visa fee, but not any associated costs. Holders of a European Union passport do not require a visa to visit the UK.

Once any visa needed has been obtained MMFP will provide: an economy class ticket for return air travel from Rio de Janeiro of São Paulo (or at the discretion of MMFP, other major cities in Brazil); a contribution of living expenses of £1,200 per month, and at MMFP’s discretion; artist’s equipment and materials up to £250.

 

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

1 8/03/2015 – INGLÊS INSTRUMENTAL PARA O PROJETO PRÓ-FLORESCER

A Fundação Flora de Apoio à Botânica apoia o Pró-Florescer, desde 2014 e dando continuidade no ano de 2015′, com a iniciativa de implementar o curso de Inglês instrumental, ministrado pelo Professor Jaime Humberto Osorno Zapata, radicado no Estados Unidos há 20 anos.

“O Projeto tem como objetivo acolher e dar formação profissionalizante a adolescentes/jovens entre 16 e 18 anos. Por meio dos cursos de Jardinagem, Monitor Ambiental e Auxiliar Administrativo que visa contribuir no resgate dos vínculos sociais e cidadania da população em situação de risco social e de vulnerabilidade socioeconômica.”

imagem

imagem

 

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

18/03/2015 – INSCRIÇÕES ABERTAS PARA CURSO DE ILUSTRAÇÃO BOTÂNICA I

Quatro histórias fantasiosas contadas e cantadas pelo grupo Ponto de Partida e os Meninos de Araçuaí compõem o espetáculo “Presente de Vô”, que estará em cartaz no Teatro Tom Jobim nos dias 21 e 22 de março.

Cirandas guaranis, cantigas de ninar africanas, batuques das avós do Vale do Jequitinhonha, aleluias misturadas a vozes indígenas, canções do folclore português, composições de Tom Jobim, Chico Buarque, Gilberto Gil, Caetano Veloso e Milton Nascimento, além de músicas recolhidas por Mário de Andrade em suas andanças pelo país e outras compostas especialmente para o espetáculo levam o público a uma viagem afetiva pelas raízes da cultura musical brasileira.

Apresentações no sábado, 21 de março, às 20h,e no domingo, dia 22, às 17h e às 20h. Ingressos a R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

Fonte: http://www.ingresso.com/sao-paulo/home/#/escolha-cidade

imagem

 

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

18/03/2015 – PRESIDENTE DO JBRJ RECEBE PRÊMIO EXCELÊNCIA MULHER 2015

A presidente do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, Samyra Crespo, recebe o Prêmio Excelência Mulher 2015. O evento oficial da cidade de São Paulo homenageia 50 mulheres que se destacam em suas áreas de atuação e contribuem para uma sociedade melhor. Samyra Crespo é também presidente executiva da Rede de Mulheres Brasileiras Líderes pela Sustentabilidade.

A solenidade acontece em 24 de março, às 19h, no Teatro do SESI – Sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo e Centro das Indústrias do Estado de São Paulo. O Prêmio Excelência Mulher foi criado em 2005 pela Fraternidade Aliança Aca Laurência e é apoiado pelo Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP) – Diretoria Distrital Sul.

imagem

 

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

18/03/2015 – INSCRIÇÕES ABERTAS PARA CURSO DE ILUSTRAÇÃO BOTÂNICA I

A Escola Nacional de Botânica Tropical recebe inscrições, até 2 de abril, para o curso de extensão Ilustração Botânica I. O curso não tem pré-requisitos e é aberto ao público em geral. Nas aulas, os alunos aprendem as técnicas de grafite e bico de pena para representar espécimes vegetais a partir da observação, com o auxílio de binocular e câmara clara.

São oferecidas duas turmas, uma no turno da manhã, das 9h às 12h, e outra à tarde, das 14h às 17. As aulas vão de 7 de abril a 7 de julho, às terças e quintas-feiras.

O endereço da ENBT é Rua Pacheco Leão, 2040, Horto, Rio de Janeiro

Fonte: www.jbrj.gov.br

imagem

 

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

13/03/2015 – LANÇAMENTO DE LIVRO SOBRE BURLE MARX

Ainda no dia 20, às 18h30, também no Museu do Meio Ambiente, dentro da programação do Mês da Mulher, a paisagista Ana Rosa de Oliveira (Laboratório da Paisagem/JBRJ) lança o livro “Paisagens particulares: Jardins de Roberto Burle Marx (1940-1970)”.

No livro, a autora analisa cinco jardins que pontuam importantes mudanças ao longo da trajetória do paisagista. O lançamento também faz parte das ações do JBRJ em comemoração pelos 450 anos da cidade do Rio de Janeiro.

O endereço do Museu do Meio Ambiente é Rua Jardim Botânico, 1008. Entrada gratuita.

imagem

 

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

13/03/2015 – JARDIM BOTÂNICO PROMOVE PAINEL SOBRE POLÍTICAS PÚBLICAS DE GÊNERO

“Implementação de políticas públicas para as mulheres: Pequim+20: Empoderar as mulheres, empoderar a humanidade. Imagine!” é o tema do painel que o Jardim Botânico do Rio promove no Museu do Meio Ambiente, na sexta-feira, 20 de março, das 9h30 às 12h30.

As palestrantes são Ana Caroline Querino, gerente de Programas e coordenadora das Ações de Pequim+20 ONU Mulheres do Brasil; Ana Rocha, secretária de Políticas para as Mulheres da cidade do Rio de Janeiro; Beatriz Helena Matté Gregory, coordenadora-geral de Direitos do Trabalho das Mulheres da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República; e Vania Somavilla, diretora-executiva de Recursos Humanos, Saúde e Segurança, Sustentabilidade e Energia da Vale.

imagem

 

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

13/03/2015 – COORDENAÇÃO DA FLORA DO BRASIL ONLINE 2020 DIVULGA EDITAL PARA SUBMISSÃO DE PROPOSTAS DE MONOGRAFIAS

O edital para submissão de propostas de monografias para a Flora do Brasil Online 2020 (FBO 2020) está aberto de 10 de março a 30 de junho de 2015. O projeto reunirá, pela primeira vez em mais de um século, o conhecimento sobre a flora do Brasil, com descrições, chaves e ilustrações.

Podem se candidatar pesquisadores com experiência comprovada em Sistemática Vegetal e Micológica, com propostas individuais ou coletivas.

O objetivo do projeto é consolidar uma flora nacional, incluindo algas, fungos e plantas, em uma plataforma que possa ser integrada com a Flora do Mundo Online (World Flora Online – WFO). Esse objetivo engloba também o cumprimento de acordos internacionais assinados pelo Brasil, atendendo a metas da Estratégia Global para Conservação de Plantas/Convenção da Diversidade Biológica (GSPC/CDB).

Acesse:

Normas e Modelos
Rules and Templates

Ficha de Submissão de Propostas
Proposal Aplication

imagem

 

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

01/01/2015 – CURSO DE EXTENSÃO – GESTÃO DO TERCEIRO

1. JUSTIFICATIVA

O denominado Terceiro Setor da economia que engloba organizações “não governamentais” e “não lucrativas”, cujas características envolvem a participação voluntária, autônoma e privada, organizada em torno de objetivos coletivos ou de interesse público (Salamon e Anheir, 1997). Este setor tem crescido consideravelmente movimentando recursos equivalentes a 8% do PIB Mundial com atuação nos mais diversos campos como responsabilidade socioambiental, projetos científicos, cultura e empreendedorismo. No Brasil, segundo o IBGE (2010), o Terceiro Setor representa cerca de 5% do PIB nacional contando com mais de 200 mil organizações. Diretamente ligado a este crescimento do setor está o crescimento do mercado de trabalho na área e a necessidade de profissionalizar a gestão deste novo “segmento”. Este curso visa contribuir com a formação de profissionais que atuam ou desejam atuar nas organizações do Terceiro Setor.

2. OBJETIVOS

O curso de extensão Gestão do Terceiro Setor visa capacitar gestores para atuar em instituições do Terceiro Setor, desenvolvendo a compreensão do conceito, natureza e o papel desse setor em franca evolução em nossa sociedade. O profissional estará apto a exercer as funções gerenciais de planejamento, organização e controle das organizações do Terceiro Setor, pautando sua gestão no compromisso com a ética e cidadania e contribuindo dessa forma, para transmitir seus conhecimentos e gerir instituições de médio e grande porte. O curso possibilitará ao participante uma visão global do Terceiro Setor, apresentando e discutindo aspectos históricos, jurídicos e de gestão, permitindo aos participantes uma visão crítica e construtiva sobre o setor social sem fins lucrativos. Possibilitará, também, desenvolver conhecimentos sobre a Gestão de Projetos no Terceiro Setor, aspecto vital para o alcance dos objetivos e metas das organizações neste campo de atuação.

3. EMENTA

Terceiro Setor: bases históricas e conceituais; Aspectos Jurídicos do Terceiro Setor; Aspectos da Gestão das Organizações do Terceiro Setor: finanças, marketing e gestão de pessoas; Estratégias para o Terceiro Setor: Planejamento e Gestão da Qualidade; Elaboração de Projetos para o Terceiro Setor: formulação e implantação; Estudo de casos em Projetos; Avaliação de programas e fontes de captação de recurso.

Clique aqui para verificar a ementa

4. METODOLOGIA

Aulas expositivas, estudos de caso e exercícios práticos. A proposta metodológica dos cursos fundamenta-se em vertentes teórico-conceituais dos estudos relacionados ao Terceiro Setor, numa perspectiva interdisciplinar, articuladas a experiências no campo social, buscando a construção de novos paradigmas de gestão de forma democrática.

5. PÚBLICO-ALVO

Os cursos destinam-se as profissionais de nível superior que atuem em organizações do Terceiro Setor, bem como profissionais de áreas afins que almejem ampliar os conhecimentos, que ocupam ou queiram ocupar cargos em organizações do Terceiro Setor, tais como fundações, institutos, ONGs, associações civis ou semelhantes.

6. DATAS DE REALIZAÇÃO

O curso será realizado aos sábados dias 14, 21, 28 de março, 11 e 25 de abril, 9, 16 e 23 de maio de 2015 de 8h30m às 12h30m. Carga horária total de 32 horas.

7. INVESTIMENTO E INSCRIÇÕES

Inscrições de 21 de janeiro a 12 de março de 2015. Preencher a ficha de inscrição (disponível no item Introdução) e efetuar depósito de R$ 350,00, em nome da Fundação Flora de Apoio à Botânica (CNPJ 35.789.312/0001-00) no Banco HSBC (399), agência 1323 (Santos Dumont). conta corrente nº 00537-36. Enviar cópia do pagamento e a ficha de inscrição para o e-mail extensao@jbrj.gov.br

8. CORPO DOCENTE

Sueli Tavares da Encarnação, Advogada, com grande experiência no Terceiro Setor e em gestão de fundações. Desde 2005 é responsável pela gestão executiva da Fundação Botânica Margaret Mee, atual Fundação Flora de Apoio à Botânica, que desde 1989 vem desenvolvendo parcerias com a iniciativa privada e órgãos de fomento para a execução de projetos socioambientais e culturais, sendo seus principais projetos desenvolvidos com o Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro.

Orlando Pessanha, graduado em Informática, pós-graduado em Sistema de Informações Empresariais e Mestre em Sistemas de Gestão pela Qualidade Total na Universidade Federal Fluminense. É professor de cursos de pós-graduação da Universo e UCAM.

Maurício de Souza Rodrigues Ferrão, graduado em Economia e Mestre em Sistemas de Gestão pela Qualidade Total na Universidade Federal Fluminense. Consultor e Profissional da área de Sistemas de Informação com larga experiência nas áreas de Administração de Materiais e Planejamento e Controle da Produção. Foi Diretor de Planejamento do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, Fundador e Diretor do Grupo de Usuários Lotus do Brasil e consultor da Secretaria de Planejamento do Estado de Roraima. Coordenador de estágios e professor da UNIABEU – Campus Ilha. Atualmente atua na Assessoria da Diretoria de Pesquisas do Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro e é Conselheiro da Fundação Flora de Apoio à Botânica.

David Ricardo Moreira Ramos, bacharel em Administração pela UFRJ e Mestre em Administração Pública pela Fundação Getulio Vargas, Analista em Ciência & Tecnologia do Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro, atuou como membro do Conselho Deliberativo da Fundação Flora de Apoio à Botânica, Professor e coordenador de cursos de graduação e pós-graduação na UCAM, FGV e UGF.

9. BIBLIOGRAFIA

ALESSIO, Rosemeri. Responsabilidade Social das empresas no Brasil: reprodução de postura ou novos rumos? Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004.

ASHLEY, Patrícia (org). Ética e Responsabilidade social nos negócios. São Paulo: Saraiva, 2002.

AZEVEDO, Tasso Rezende de. Buscando Recursos para Seus Projetos. São Paulo: Texto Novo, 1998.

CARVALHO, Nanci Valadares. Autogestão: O Nascimento das ONGs. São Paulo: Editora Brasiliense, 1995.

DRUCKER, Peter. Administração de Organizações Sem Fins Lucrativos: Princípios e Práticas. São Paulo: Pioneira, 1994.

FALCONER, Andres Pablo e VILELA, Roberto. Recursos privados para fins públicos: as grantmakers brasileiras. São Paulo: GIFE, 2001.

FERNANDES, Rubem César. Privado, porém Público: O Terceiro Setor na América Latina. Rio de Janeiro: Relume-Dumara, 1994.

FERRAREZI, E.; REZENDE, V. OSCIP – Organização da sociedade civil de interesse público: a lei 9.790/99 como alternativa para o terceiro setor. 2. ed. Brasília: Comunidade Solidária.

GRAYSON, David e HODGES, Adrian. Compromisso social e gestão empresarial. São Paulo, Publifolha: 2002.

KARKOTLI, Gilson e ARAGÃO, Sueli Duarte. Responsabilidade Social: uma contribuição à gestão transformadora das organizações. Petrópolis: Vozes, 2004.

MELLO, Celso Antônio Bandeira de. Curso de Direito Administrativo. 5ª ed. São Paulo: Malheiros, 2000.

MONTAÑO, Carlos. Terceiro Setor e questão social: crítica ao padrão emergente de intervenção social. São Paulo: Cortez, 2005.

KISIL, Rosana. Gestão e Sustentabilidade: Elaboração de projetos e propostas para Organizações da Sociedade Civil. 3. ed. São Paulo: Global, 2004.

OLIVEIRA, Djalma Pinto Rebouças. Planejamento Estratégico: Conceitos, Metodologias e Práticas. 22ed. São Paulo: Atlas, 2002.

PAES, José Eduardo Sabo. Fundações e Entidades de Interesse social: aspectos jurídicos, administrativos, contábeis e tributários. 4ª ed. Brasília: Brasília Jurídica, 2003.

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

0 Comentários
0 Pings & Trackbacks

Deixe uma resposta